Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

bicho do mato

Aqui fala-se de natureza, aves, bichos em geral e do que mais me passar pela cabeça

bicho do mato

Aqui fala-se de natureza, aves, bichos em geral e do que mais me passar pela cabeça

17
Out23

Percevejos: o ataque dos vampiros vegetarianos

Nos últimos tempos, após saber-se que França se debatia com uma praga de mini sugadores de sangue, a internet portuguesa tem sido inundada com notícias sobre os percevejos, esses malvados vampiros! E cá no burgo não nos podíamos ficar com uma praga caseira, como por lá. Não, os nossos percevejos seguem as modas e, como tudo o que é mau ultimamente, são... asiáticos. (Será que têm os olhos em bico?)

Percevejo-do-funcho (Graphosoma italicum)Percevejo-do-funcho (Graphosoma italicum) Trafaria (15-06-2019)

A ladainha repete-se nos mais diversos recantos on-line, desde os grandes meios de comunicação nacionais, até aos pequenos periódicos regionais: "depois dos problemas em França, a praga chegou cá. Parece que os bichos vivem nas camas e só saem à noite para se alimentarem do nosso fluido vital, no entanto não são um problema de saúde pública, sendo apenas uma preocupação para agricultores e fruticultores. (Hã?!) Escondem-se nas madeiras da cama e nos colchões e são quase impossíveis de erradicar, mas deitam um odor desagradável quando esmagados." (então mas...)   

Foram dias e dias a ler textos idióticos - aparentemente todos copiados uns dos outros - sem o menor rigor, sem o mínimo dos mínimos de investigação jornalística, com uma misturada de conceitos e de espécies digna de uma salada russa. 

Felizmente, após algumas reclamações de quem percebe um bocadinho do assunto, lá começam a surgir alguns esclarecimentos pouco entusiásticos. Parece que afinal são espécies diferentes. Diz que "os nossos invasores" são inofensivos para as pessoas, pois só atacam plantas. A realidade é tão menos dramática, tão pouco dada a sensacionalismos...

No entanto, após tamanha entropia noticiosa, sobra uma questão pertinente: afinal, o que raios é um percevejo?

Percevejo (Calocoris roseomaculatus) Seixal (06-05-2020)Maria-Fedida (Nezara viridula) Oliveira de Azeméis (13-09-2019)

Em traços gerais, percevejo é o nome comum atribuído aos insectos pertencentes à subordem Heteroptera, que está contida na ordem Hemiptera (que também compreende as cigarras e as cigarrinhas).

Os infames percevejos-da-cama (bed bugs, em inglês) pertencem à Cimicidae, umas das muitas famílias dentro desta subordem dos percevejos. Estes insectos são parasitas externos e alimentam-se de sangue, como as pulgas ou as carraças. Já os agora famosos percevejos-asiáticos (Halyomorpha halys), pertencem a uma família totalmente dispar (Pentatomidae) e alimentam-se exclusivamente de plantas.

Percevejo-das-camas (Cimex lectularius) Foto: Eric R. Eaton (2019)Percevejo-asiático (Halyomorpha halys) Foto: Chris Rorabaugh (2014)

Estes últimos começam a ser de facto um problema em Portugal, como já o são há algum tempo na Europa, não por atacarem pessoas, mas porque, sendo uma espécie exótica invasora, têm causado graves prejuízos em explorações agrícolas. Já em 2019, a presença deste insecto no nosso país  tinha dado origem a esclarecimentos do governo dirigidos aos agricultores e a seminários de instituições científicas.

Então, na prática, ambos são pragas. De natureza diferente, mas ainda assim pragas. Qual é o grande problema de toda esta confusão e desinformação? Os danos colaterais, diria eu...

Percevejo (Sciocoris sideritidis) Seixal (06-12-2021)Percevejo (Chorosoma schillingii) Sagres (05-11-2021)Percevejo (Prionotylus brevicornis) Caparica (04-06-2021)Percevejo (Graphosoma semipunctatum) Seixal (30-05-2021)Percevejo (Cydnus aterrimus) Torrão (08-05-2021)Percevejo (Syromastus rhombeus) Lagoa de Albufeira (05-07-2020)Percevejo-do-solo (Spilostethus pandurus) Cabo Espichel (28-05-2020)Percevejo (Cyphodema instabilis) Fernão Ferro (18-05-2020)

À hora que escrevo estas linhas, existem 21.917 observações de 517 espécies de percevejos registadas na plataforma de "ciência cidadã" Biodiversity4All, em Portugal. Destas, apenas 5 observações são de 2 espécies de percevejos-da-cama: Cacodmus vicinusCimex lectularius. Incluem-se ainda 117 observações de percevejo-asiático. 

Ora, baseando-nos apenas nos dados retirados desta plataforma e relembrando que ela é meramente um repositório de informação avulsa registada por cidadãos comuns, encontramos 3 espécies de insectos problemáticas. Três! Por oposição a 514 outras espécies de percevejos, na sua maioria autóctones e perfeitamente inofensivas.

Percevejo (Odontotarsus callosus)Percevejo (Odontotarsus callosus) Fernão Ferro (19-05-2020)

Nestas matérias de biodiversidade, quando é lançada a confusão, seja por necessidade de sensacionalismo ou por incompetência dos media e até das entidades oficiais, geralmente há vítimas inocentes. Aconteceu, por exemplo, com o autóctone vespão-europeu (Vespa crabro) que, a reboque da cruzada anti vespa-asiática (Vespa velutina), se vê capturado nas armadilhas não selectivas de gente que não quer saber da sua importância ecológica e que não entende nem quer entender a diferença entre as espécies. E corre o risco de acontecer também com mais de meia centena de espécies autóctones de insectos que têm o azar de serem chamados de percevejos.

Percevejo (Micrelytra fossularum) Seixal (01-05-2020)Percevejo (Gonocerus insidiator) Seixal (23-04-2020)Percevejo (Eurygaster austriaca) Seixal (19-04-2020)Percevejo (Coreus marginatus) Seixal (18-04-2020)Percevejo-da-tília (Pyrrhocoris apterus) Seixal (18-04-2020)Percevejo (Closterotomus norwegicus) Seixal (18-04-2020)Percevejo-barco (Enoplops scapha) Seixal (11-04-2020)Percevejo (Centrocoris variegatus) Seixal (11-04-2020)Percevejo-das-malvas (Oxycarenus lavaterae) Seixal (03-04-2020)Percevejo (Camptopus lateralis) Seixal (18-03-2020)Percevejo-da-couve (Eurydema ornata) Seixal (21-07-2019)Percevejo-mediterrânico (Carpocoris mediterraneus atlanticus) Trafaria (15-06-2019)

Estes animais, como polinizadores, têm uma função ecológica de extrema importância para os ecossistemas nativos e até para as nossas actividades agrícolas. É desolador pensar que, por terem um aspecto genérico semelhante a determinadas espécies ou até pelo mero facto de terem o mesmo nome comum, estes bichos possam vir a sofrer represálias derivadas do medo que nos é instigado por uma série de meios de comunicação social que, eles sim e ao contrário destes percevejos, estão sempre "sequiosos de sangue".

Percevejo (Heterotoma planicornis)Percevejo (Heterotoma planicornis) Ribeira de Cabrela, Sintra (16-05-2021)

Eu

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Últimas Observações

Blogs Portugal

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub